fbpx Skip to content

Partícula semelhante ao Gráviton é encontrada em material quântico

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Um artigo recentemente publicado na revista Nature pode representar um avanço significativo na busca pela comprovação experimental dos grávitons, as partículas elementares teoricamente responsáveis pela transmissão da força da gravidade. O estudo, liderado pelo professor de física Lingjie Du da Universidade de Nanjing, China, focou em excitações coletivas chamadas modos grávitons quirais (CGMs), realizando testes em um material semicondutor.

Os CGMs, partículas similares aos grávitons, foram observados em uma espécie de matéria condensada conhecida como líquido de efeito Hall quântico fracionário (FQHE), composto por sistemas de elétrons bidimensionais sob condições extremas. A equipe utilizou luz circularmente polarizada para interagir com essas partículas, observando mudanças no spin dos fótons que sugerem a existência dos CGMs.

Embora não seja uma confirmação direta dos grávitons, o estudo representa um importante passo na compreensão da física de altas energias e da física da matéria condensada, podendo eventualmente contribuir para a unificação das teorias da mecânica quântica e da relatividade geral de Einstein.

Tenha as principais notícias

de Ribeirão e Região em primeira mão!

Canal de transmissão no Whatsapp.

Sugira uma reportagem sobre a Ribeirão Preto e região

pelo WhatsApp: 16 99231-6276

+ Temas

Partícula semelhante ao Gráviton é encontrada em material quântico

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Um artigo recentemente publicado na revista Nature pode representar um avanço significativo na busca pela comprovação experimental dos grávitons, as partículas elementares teoricamente responsáveis pela transmissão da força da gravidade. O estudo, liderado pelo professor de física Lingjie Du da Universidade de Nanjing, China, focou em excitações coletivas chamadas modos grávitons quirais (CGMs), realizando testes em um material semicondutor.

Os CGMs, partículas similares aos grávitons, foram observados em uma espécie de matéria condensada conhecida como líquido de efeito Hall quântico fracionário (FQHE), composto por sistemas de elétrons bidimensionais sob condições extremas. A equipe utilizou luz circularmente polarizada para interagir com essas partículas, observando mudanças no spin dos fótons que sugerem a existência dos CGMs.

Embora não seja uma confirmação direta dos grávitons, o estudo representa um importante passo na compreensão da física de altas energias e da física da matéria condensada, podendo eventualmente contribuir para a unificação das teorias da mecânica quântica e da relatividade geral de Einstein.

Tenha as principais notícias de Ribeirão e Região em primeira mão!

Canal de transmissão no Whatsapp.

Sugira uma reportagem sobre a Ribeirão Preto e região pelo WhatsApp: 16 99231-6276

+ Temas